Profissionais da rede municipal de saúde de Bertioga recebem treinamento sobre varíola dos macacos

Os profissionais da rede municipal de saúde de Bertioga receberam, nesta sexta-feira (5), treinamento sobre o plano de contingência para a varíola dos macacos. Até o momento, não há casos suspeitos ou confirmados no Município.

No treinamento, os profissionais foram orientados sobre os cuidados, a importância do uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), medidas de precaução, tratamento, diagnóstico, aspectos clínicos, entre outros assuntos, com o objetivo de habilitar as equipes para o enfrentamento da doença.

De acordo com a secretária de Saúde, Rebeca Barufi, a capacitação é importante para manter a rede apta para identificar os casos com brevidade e fazer o diagnóstico o mais rápido possível.

Varíola dos Macacos

A varíola dos macacos é uma doença viral e a transmissão pode ocorrer por meio de contato com animal ou humano infectado, além de material corporal humano contendo o vírus. Apesar do nome fazer referência ao animal, o atual surto não tem a participação de macacos na transmissão.

Entre os sintomas da doença está o aparecimento de lesões (bolhas) na pele, dor de cabeça, febre, dores musculares, dor nas costas, fraqueza e inchaço nos linfonodos. Caso algum munícipe apresente algum desses sintomas, deve procurar a unidade de saúde mais próxima da residência.

Alguns cuidados podem ser tomados para evitar a contaminação, como: evitar contato íntimo ou sexual com pessoas que tenham lesão na pele, manter as mãos sempre higienizadas, não compartilhar roupas de cama, toalhas, talheres, copos e objetos pessoais; evitar contato com secreções e gotículas respiratórias.