Caraguatatuba vai receber benefício com novo programa de investimento para turismo sustentável do Governo de SP

A Prefeitura de Caraguatatuba, por meio da Secretaria de Turismo, esteve representada, na última terça-feira (30), em evento de apresentação dos resultados da cooperação técnica entre a Secretaria de Turismo e Viagens do Estado de São Paulo (Setur-SP) e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O encontro reuniu grande público na sede da Setur-SP.

O objetivo da iniciativa é apoiar a retomada e o desenvolvimento de longo prazo do turismo no Estado. Na ocasião, foi destacado como resultado desta cooperação, a estruturação de um programa de investimento e um fundo de financiamento no valor total de US$ 300 milhões que irá beneficiar as regiões do Litoral Norte, Vale do Ribeira e Mantiqueira Paulista. Além de destinar US$ 100 milhões ao setor produtivo por meio de crédito.

Os recursos serão utilizados em um programa de turismo sustentável no Estado de São Paulo para estruturação dos produtos turísticos, marketing e posicionamento de mercado, fomento à inovação, sustentabilidade e fortalecimento da governança turística, gestão socioambiental e apoio e financiamento à cadeia produtiva do turismo.

Estabelecida em 2020, a cooperação técnica teve custo de US$ 250 mil, financiado pelo BID a fundo perdido, com o objetivo principal de estabelecer as bases para a implementação de um plano de recuperação e retomada para o setor de turismo, tendo em vista os impactos da pandemia do COVID-19.

O estudo fez também importantes levantamentos sobre oferta e demanda de turismo em São Paulo para identificar o foco mais apropriado para divulgar os ativos turísticos do Estado. O projeto foi realizado em seis etapas e, por fim, foram estabelecidas estratégias dirigidas para os cinco tipos de personas criadas, voltadas aos perfis aventureiro, ecopraiano, família relax, curioso relax e explorador.

Entre as atividades constantes nos estudos de cooperação técnica estão:

Plano de regionalização do turismo para o Estado de São Paulo

A partir da análise detalhada sobre a dinâmica da atividade no Estado regional e do processo de gestão regionalizada, propõe o estabelecimento de uma estratégia de desenvolvimento territorial integrado e sustentável do turismo. Aborda índices de desenvolvimento municipais e regionais de modo a identificar a composição das regiões atuais de acordo com seus perfis de oferta, demanda e competitividade; reflete sobre as instâncias de governança, o papel da regionalização e as diversas funções que pode incorporar; assim como classifica grupos de municípios de acordo com uma matriz cruzada de oferta e demanda para otimizar arranjos regionais.

Projeto piloto de monitoramento de indicadores de gestão sustentável do turismo no Litoral Norte do Estado de São Paulo

Propõe um piloto de sistema de monitoramento da sustentabilidade do turismo que possa ser replicado em todo o Estado, a partir da região turística Litoral Norte. Inclui a definição de metodologias, instrumentos e procedimentos de seleção de indicadores, coleta e análise de dados, arranjos institucionais e parcerias para a operação de um sistema de monitoramento deste tipo.

Programa Mais Turismo

Apresenta uma proposta de programa estruturante focado na reconversão de um turismo mais sustentável no Estado de São Paulo. A atuação é focada em realidades regionais distintas, incluindo o Vale do Ribeira, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira, e tem cinco componentes: Estruturação de Produtos Turísticos e Aprimoramento da Experiência, Marketing e Posicionamento de Mercado, Fomento à Inovação, Sustentabilidade e Fortalecimento da Governança Turística, Gestão Socioambiental do Programa e Apoio e Financiamento à Cadeia Produtiva do Turismo, através do fundo de turismo.

Outros detalhes sobre a iniciativa podem ser consultados no link https://www.turismo.sp.gov.br/dispositivo/customizado_publico/ferramentas_customizadas/periodo_eleitoral/bid/bid.html.